Franquia

Franquia Online: O que é e porque essa modalidade de negócio vem chamando atenção?

por: Moldura Minuto

publicado: 16/05/2022

franquia-online.jpg

Franquia online é um termo que está cada vez mais em alta, e não é para menos, esta modalidade de negócios pode ser uma boa opção para quem deseja empreender mas não sabe muito bem por onde começar, ou para quem deseja ter seu próprio negócio sem investir alto valor de capital. 

Mas afinal, você realmente sabe o que é uma franquia online ou o e-franchising, como tem aparecido bastante ultimamente? Se você já ouviu este termo, mas ainda está confuso em relação a ele, não se preocupe, neste texto vamos te falar um pouco mais sobre as franquias virtuais e te mostrar como elas funcionam na prática!

O que é franquia online?

Franquia Online, Franquia Virtual, Franquia Digital ou E-franchising são apenas nomes diferentes para uma mesma modalidade de negócios que pode ser operado de maneira totalmente remota, sem a necessidade de endereço físico ou ponto comercial. 

Quando falamos em franquia online, devemos citar que não existem tantas diferenças assim entre elas e as franquias presenciais. Ambas se enquadram na Lei das Franquias, onde o texto oficial alega que:

“sistema pelo qual um franqueador cede ao franqueado o direito de uso de marca ou patente, associado ao direito de distribuição exclusiva ou semiexclusiva de produtos ou serviços e, eventualmente, também ao direito de uso de tecnologia de implantação e administração de negócio ou sistema operacional desenvolvidos ou detidos pelo franqueador, mediante remuneração direta ou indireta, sem que, no entanto, fique caracterizado vínculo empregatício”.

Sendo assim, as franquias online funcionam da mesma forma que as convencionais, onde o proprietário do negócio digital, conhecido como franqueador, cede o direito de uso a um novo empresário e investidor, ou seja, o franqueado. 

Assim como as franquias comuns, nessa modalidade também são cobradas taxas de royalties, no entanto, este modelo de negócios possui algumas vantagens, como o baixo investimento e a possibilidade de trabalho home based. 

Além disso, por ser considerada uma franquia, ela atua de maneira independente, ou seja, sob sua própria autonomia administrativa e financeira. Sendo assim, mesmo que funcione em casa, ela também deve passar por uma boa gestão, que seja responsável. 

Como funciona uma franquia online?

Bem, como citamos brevemente acima, o funcionamento de uma franquia online não difere muito de uma franquia tradicional, sua característica básica é a cobrança da taxa inicial de franquia, royalties e taxas relacionadas ao marketing e uso da marca. 

Todos esses investimentos podem ser variáveis, uma vez que cada empresa possui a sua própria autonomia para exercer o valor que acredita ser mais adequado para o uso de seu nome. 

Além disso, como em toda franquia, o franqueado recebe o direito de uso da marca franqueada, assim como o seu know-how, para que possa replicar as ações do franqueador em suas operações. 

Transferência de Know-how

Uma das principais vantagens de ser franqueado, é a facilidade de empreender com alguém que já entende do assunto e possui todo o planejamento da marca, neste caso, o know-how, que acaba sendo transferido ao franqueado no ato da assinatura de contrato com a marca. 

Neste processo, é incluído todo o treinamento do empreendedor, as informações de mercado, sua disposição de suporte especializado e colaboração para destravar o seu novo negócio e dar o “start” inicial que ele precisa.

Além disso, o franqueado fica encarregado de seguir os padrões e metodologias impostas pela marca e know-how. 

Uso da marca

Antes de fechar contrato com uma franquia, o interessado deve pesquisar bem sobre a marca e estar atento às principais obrigações do franchising e as características do franqueador, que em muitos casos pode variar de acordo com o planejamento da marca. 

Depois de fechado o contrato, o empresário franqueado pode usar o nome da marca, potencializando e passando credibilidade ao seu negócio, no entanto, há algumas restrições impostas por algumas marcas, como por exemplo a alteração do logo, assim como a diferença de fornecedores, estética, decoração e até mesmo arquitetura, fatores que podem contribuir com a desvalorização da marca. 

No caso das franquias digitais, as restrições costumam ser menores, uma vez que a modalidade de funcionamento da franquia é diferente. Mesmo assim, é necessário que o empreendedor esteja atento a todas elas para evitar penalidades previstas em contrato.

COF – Circular de Oferta e Franquia

O franqueado deve receber o COF da marca ainda no processo de prospecção, este documento deve fornecer ao futuro franqueado todas as informações necessárias para que ele compreenda o funcionamento da marca. 

Em alguns casos, o pré-contrato já pode ser anexado ao COF, facilitando o fechamento de negócios. O COF deve ser um documento formal imposto pela Lei de Franquias, que deve ser entregue à parte interessada em fechar negócio com pelo menos 10 dias de antecedência da assinatura, para que ele possa ser analisado com cautela.

Em caso de dúvidas, o empreendedor poderá contatar o franqueador para esclarecer e melhorar sua interpretação do contrato. Além disso, o COF deve ser cumprido por ambas as partes. 

Durante o processo de avaliação do COF, o futuro franqueado deve se atentar a:

  • Histórico da empresa, que deve conter a razão social do franqueador e de empresas cujo ele esteja ligado;
  • Finanças da empresa, uma vez que o documento deve conter os balanços financeiros relativos aos últimos dois anos de exercício, assim como as pendências judiciais;
  • Descrição da marca e da franquia para que o futuro franqueado seja capaz de compreender corretamente seu funcionamento, seus objetivos e operações;
  • Investimentos iniciais que devem contar com a soma de aquisição, instalação e entrada da franquia em operação, além da taxa de franquia, equipamentos, manutenção, estoque e pagamentos de colaboradores. 

Vantagens de investir em uma franquia online

Assim como o franchising vem se tornando cada vez maior e uma das mais procuradas formas de investimento em negócios, o e-franchising também vem apresentando crescimento, especialmente depois da crise gerada pela pandemia de Covid-19, em 2020. 

Mas o que será que tem feito essa modalidade de investimento aumentar tanto de um tempo para cá? Bem, as vantagens são inúmeras, mas certamente, o que mais chama a atenção é a possibilidade de baixo investimento.

Em comparação com outros negócios, o valor de investimento em uma franquia pode ser bem menor, especialmente quando falamos em empresas digitais, onde este valor investido pode ser ainda menor. 

Além disso, por se tratar de um negócio virtual, não é necessário investimentos em estrutura, o que colabora ainda mais com a redução de custos. Além da facilidade para o empreendedor trabalhar de sua própria casa, que tem se tornado um grande atrativo.

Outra vantagem que chama a atenção para os aspirantes ao empreendedorismo, é a garantia de ROI, ou seja, o retorno sobre investimento. Uma vez que as franquias já são marcas que fazem sucesso no mercado.

Ou seja, que possuem um mercado estabelecido, com público-alvo e mais facilidade de fazer as coisas acontecerem em um período mais curto de tempo. 

Gostou das dicas de hoje? Venha conhecer nossos consultores e invista em uma franquia Moldura Minuto!

Clique aqui para ler mais matérias em nosso blog.

Acesse aqui para encontrar a loja mais próxima de você.

Converse com um consultor online da marca.

Ou acesse aqui para se tornar um franqueado da marca. Conheça o novo modelo de negócio compacto e inovador MM Smart – baixo investimento e alta rentabilidade. 

Nenhuma resposta para "Franquia Online: O que é e porque essa modalidade de negócio vem chamando atenção?"

Nenhum comentário ainda.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *