Franquia

Como fazer marketing para franquias?

por: Moldura Minuto

publicado: 21/06/2022

Marketing para franquias

Ao falar em marketing para franquias, devemos observar que ele é inerte à gestão do empreendimento, afinal, sua principal função é tornar os serviços e produtos atrativos para os clientes. 

No entanto, vender não é algo tão simples, ainda mais em um mercado cada vez mais competitivo, por isso, atuar com boas ações de estratégias de marketing para franquias é uma questão que deve ser feita o quanto antes!

Porque o marketing para franquias é tão importante?

Empreender sem que haja uma certa organização pode ser uma tarefa bastante complicada e um destes processos tem a ver com o marketing, que pode ser tão importante quanto a própria gestão administrativa do negócio. 

Isso acontece porque é com a ajuda do marketing que as finanças costumam prosperar, afinal, o marketing para franquias é responsável por gerar a viabilidade e inserção da marca no mercado. 

Além disso, o marketing é responsável pela gestão estratégica na hora de promover produtos e serviços, encontrando as melhores oportunidades para o posicionamento da marca no mercado e diante da concorrência, direcionando-se de maneira mais eficiente ao seu público. 

Portanto, podemos constatar que um bom plano de marketing é essencial na fundamentação de estratégias utilizadas pela empresa, garantindo maior importância para a rede de franquias.  

Desta forma, fica muito mais prático o processo de solidificação de como a empresa se comunica, tornando possível a replicação do modelo de franquias, afinal, o posicionamento da rede depende das estratégias comuns entre as unidades, fazendo com que elas sejam reconhecidas por qualquer consumidor.

Como elaborar um plano de marketing para uma rede de franquias?

Elaborar um bom plano de marketing para a rede de franquias é compreender quais são as suas necessidades e dos consumidores, e por isso exige muito trabalho de pesquisa e visão de mercado. 

Afinal, é através deste estudo que conseguimos entender o contexto em que nossas empresas estão inseridas. Além disso, é importante que um bom plano de marketing seja embasado em três tópicos: 

  • Princípios: a definição do que é seu negócio e quais as motivações para oferecer produtos e serviços aos clientes. Aqui é importante pensar na abordagem que será utilizada para as estratégias.
  • Diferenciais: que devem ser feitos a partir dos princípios, mostrando o que te destaca diante dos concorrentes, qual a sua história e o que faz do seu negócio algo extraordinário.
  • Objetivos e metas: Quais são os seus objetivos ao fazer o marketing do seu negócio? Você deseja se tornar reconhecido, atrair clientes, vender? Afinal, pensar nisso é essencial para saber quais estratégias podem ser pensadas para atingir o que se espera.

A partir de todo este estudo, o marketing pode ser fixado, com base no que é a empresa e no que ela acredita ser o seu potencial. Este conceito deve abordar pilares como preço, produto, promoção e praça.

Além disso, é importante contar com profissionais qualificados para o trabalho, que conheçam bem a área, afinal, marketing aborda demandas específicas, que exigem um bom know-how e a percepção do negócio. 

Começando desta forma, existem outros conceitos que são cruciais e devem ser seguidos à risca para garantir o sucesso, uma vez que eles possuem influência direta na padronização da marca e na expansão de atividades da rede. 

Conheça mais sobre estes conceitos:

Branding

O branding nada mais é do que “marca”, ou seja, este conceito engloba muito mais do que os logotipos e peças gráficas, fazer o branding de uma marca significa reconhecer a sua identidade para o negócio e isso deve envolver tanto os papéis visuais, como as organizações, linguagem e a logística da empresa. 

Em alguns casos, o branding será uma base para diversos aspectos da franquia, tanto quanto organizacionais e de logística da empresa. Sendo assim, a postura dos funcionários, discursos de comunicação e alguns outros pontos também podem fazer parte do que é considerado branding. 

Comunicação integrada

Hoje em dia, o marketing digital está inserido em diversos lugares, e consequentemente, o marketing de franquias também. Por isso, devemos integrar tudo quanto é comunicado pela empresa, dentro desta estratégia. 

As campanhas de veiculação devem ser atualizadas em todos os canais utilizados pela empresa e no caso das redes de franquia, isso não é diferente, afinal, a comunicação deve ser ainda mais integrada. O que faz com que a criação de canais de Omnichannel sejam ainda mais necessários. 

E para isso tudo, o marketing digital é a pedida para o sucesso, afinal, as redes sociais são meios de alcance maior, fáceis de serem utilizados por todos e permitem a criação de diversas formas de conteúdo. 

Mas o ideal, é contar com um bom time de marketing para isso, afinal, ter a própria equipe acaba sendo mais barato e seguro para uma rede de franquias. 

Desta forma, os profissionais ficam responsáveis apenas pela comunicação da empresa, que pode se expandir, gerando mais demanda e maior sucesso. 

Direcionamento de estratégias

Ao mesmo tempo que a criação das comunicações precisam ser integradas, é importante que ela seja bem segmentada. Sendo assim, a atuação em diferentes regiões pode exigir novas formas de agir. 

Cada público tem suas particularidades, perfis e observações. Algumas unidades podem gostar do uso de promoções, já outras podem ter demandas maiores em outros tipos de produtos. 

Por isso, estar sempre atento ao acompanhamento das lojas é fundamental. O feedback pode ser recolhido pelas auditorias de cada unidade ou através de reuniões esporádicas com os franqueados.

Além disso, os gestores sabem mais do que ninguém sobre a atuação das franquias e sua situação, portanto conte com eles para saber mais sobre as redes e que estratégias podem ter um melhor direcionamento. 

Os franqueadores podem ajudar os franqueados a ter sucesso 

Uma das coisas mais interessantes sobre as redes sociais é a possibilidade de conversar diretamente com os consumidores e entender como essas interações podem funcionar como a voz da marca e seus valores. Afinal, a comunicação é a chave para a confiança com os usuários. 

Sendo assim, uma boa forma de se dar bem nas redes sociais, é criando uma linha editorial que seja bem definida, para que seja possível agir com uma conta oficial para a marca e no caso dos franqueados quererem outra conta, informarem que são franqueados de tal região. 

Desta maneira, os franqueados podem deixar a estratégia maior e branding para a franqueadora, focando em construir o tráfego apenas para a sua loja e de acordo com a sua localidade. 

Mas para que a linha editorial funcione bem, os franqueados devem ter um entendimento claro sobre o funcionamento delas, uma das maneiras de fazer isso, é criando um vídeo explicativo sobre como as redes sociais funcionam e qual a sua importância dentro da empresa. 

É importante que o franqueado entenda que as redes sociais possuem interações autênticas, que podem ser muito interessantes para a marca, mas que todas as suas ações devem ser calculadas visando o sucesso. 

Como os franqueados podem melhorar o marketing?

Para ter sucesso com o marketing da sua franquia não existe muito segredo, uma das dicas é seguir com o plano editorial que foi imposto pela franqueadora, afinal, os profissionais da empresa estudaram a marca especialmente para isso. 

O ideal, é seguir com cautela todos os detalhes, busque se identificar com os detalhes e objetivos da empresa, além disso, se atente a quais recursos estão disponíveis para ajudar um franqueado a crescer dentro da marca. 

Depois de tudo isso em mente, você pode começar a pensar em investir em ações de marketing local, mas é claro, sem desrespeitar as estratégias que são elaboradas para a marca oficial, afinal, você como franqueado, faz parte dela. 

A ideia é que o franqueado possa ajudar a marca a ter ainda mais sucesso, e por consequência, ter sucesso também. Ou seja, isso significa que você, franqueado, deve ser o responsável pelo marketing da sua região, afinal, inúmeros aspectos podem influenciar neste caso, como campanhas regionais, datas comemorativas, público, etc. 

Uma das dicas que podemos te dar para conseguir tudo isso, é:

  1. Definir qual o suporte dado pela franqueadora e a partir disso, determinar o seu orçamento para o seu marketing local;
  2. Observar a concorrência e analisar o que está funcionando para ela;
  3. Procurar por influencers locais, jornalistas, blogueiros e outros empreendedores que possam apoiar e criar relacionamentos com a sua loja pode ajudar e muito;
  4. Esteja sempre visível, tenha presença e não se esqueça de estar muito bem ranqueado nas pesquisas da busca local. Para isso, peça para seus clientes te avaliarem;
  5. Mantenha a comunicação ativa com seus consumidores, desta forma, há mais engajamento e eles ficam contentes com a interação.

Bem, agora que vocês já sabem quais as principais dicas de fazer um bom marketing digital para o seu negócio, está na hora de colocar isso em prática! 

Gostou das dicas de hoje? Venha conhecer nossos consultores e invista em uma franquia Moldura Minuto!

Clique aqui para ler mais matérias em nosso blog.

Acesse aqui para encontrar a loja mais próxima de você.

Converse com um consultor online da marca.

Ou acesse aqui para se tornar um franqueado da marca. Conheça o novo modelo de negócio compacto e inovador MM Smart – baixo investimento e alta rentabilidade. 

Nenhuma resposta para "Como fazer marketing para franquias?"

Nenhum comentário ainda.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *